4 de março de 2016

Castlevania Symphony of the Night (Gamers on the road: 012) Explorando Colosseum

Tendo como ponto central uma arena, o senhor deste castelo se deleita com sangrentos duelos até a morte neste ambiente simetricamente projetado, o arranjo musical daqui é o Wandering Ghosts, e o Colosseum é repleto por locais cheio de sangue e coisas mutiladas.

Embora hajam algumas curiosidade neste violento cenário, infelizmente o post de hoje não vai trazer tantas coisas em termos Desconstrutivos mesmo porque não há pontos de explorações externo. Mas vamos lá!
Na próxima imagem vemos algo curioso, aqueles que jogaram Rondo of Blood perceberão na hora do que eu estou falando, a imagem mostra que no cenário há um cadáver de um Behemoth que resistiu a decomposição por 5 anos, esta criatura aparece perseguindo Richter na segunda fase do game feito para TurboGrafx-16.
 Na imagem vemos inimigos de Castlevania: Rondo of Blood lançado para TurboGrafx-16
E não se esqueçam de pegar o Manto Sangrento que converte danos e corações para as armas secundárias e a vara do escudo (Shield Rod) que proporciona efeitos curiosos quando combinados com o escudo a qual você esta equipado (Mesmo efeito da Mablung Sword):
Manto Sangrento

Se ha algo que me atrai nesse Castlevania, são certos pequenos detalhes, alguns deles você nem nota, mas outros não têm como não notar, por exemplo, na próxima imagem vemos um cara de armadura dando comandos de ataque para a sua coruja, se a matarmos deixando o “Sir. Coruja” (Owl Knight) vivo, ele virá as pressas lamentar a morte de sua velha amiga, logo em seguida ele o atacará com espadadas:
Uma coisa que eu notei somente desta vez enquanto estava jogando para fazer esse texto, é que não vemos ninguém sentado no trono (Setas vermelhas) no andar superior a parte da arena do coliseu onde iremos enfrentar os chefes. Há! E não deixem de acessar a passagem secreta (Seta verde imagem à esquerda) e pegar a Holy Sword, uma espada sagrada de luz que é forte contra mortos vivos:
 
Até poderíamos utilizar aqui a célebre frase “Ou você morre como herói ou vive o bastante para se tornar o vilão” se não houvesse uma intervenção maligna para isso, mas o pensamento de Kouji IGA foi “Pensamos que seria interessante se o inimigo fosse o Belmont”. Sim! Se em Castlevania Dracula’s Curse vemos um vilão de sangue frio se tornando aliado do protagonista e conseqüentemente um herói, em Sinfonia da Noite vemos o Herói, que havia dado cabo de Drácula em Rondo of Blood, se tornar vilão e agora controla duas bestas sedentas por sangue de Vampiro (Onde nosso mundo vai parar! ^_^).
Minotaurus e Werewolf, ambos do Rondo of Blood, estão sob controle de Richter Belmont

Após derrotar as criaturas, Alucard deve seguir para a direita e liberar o uso do elevador e pegar o Form of Mist que permite que Alucard se transforme em névoa. Depois seguiremos para a nossa próxima parada que será a Abandoned Mine. Até lá, Vida Longa e Próspera!

\\//_

2 comentários:

  1. estava rindo da frase "Ou você morre como herói ou vive o bastante para se tornar o vilão" disso a pouco estava vendo o pv do Digimon tri e ao que parece o vilão vai ser o Jou(joi)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é! Essa frase eu ouvi num filme do Batman...
      :-)

      Excluir